top of page
  • hikafigueiredo

"A Árvore da Maldição", de William Friedkin, 1990

Filme do dia (44/2021) - "A Árvore da Maldição", de William Friedkin, 1990 - O jovem casal Phil (Dwier Brown) e Kate (Carey Lowell) contratam a eficiente babá Camilla (Jenny Seagrove) para cuidar de seu bebê recém nascido, mas, em pouco tempo, descobrirão ter sido uma péssima ideia.





Do mesmo diretor do cultuado "O Exorcista", o filme situa-se entre o terror psicológico e o slasher, pendendo um pouco mais ao segundo, e traz toques de folk horror ao trabalhar com uma lenda relacionada às figuras de antigos druidas e guardiões da floresta. O filme inicia-se com o desaparecimento de outro bebê - anterior ao do casal de protagonistas -, dando, desde cedo, sinal do que virá adiante. A narrativa é linear, convencional, e o ritmo inicia-se vagaroso, mas rapidamente ganha velocidade e termina bem frenético. A obra começa montando aquele clima de suspense, mas, do meio para o final, essa atmosfera é substituída por cenas explícitas e com características bem gore - ao final, muito sangue cênico rola na história. O filme é um pouco irregular quanto aos efeitos especiais - alguns são muito bons, mas tem outros que ficaram bem "fake". Algo que, para mim, enfraqueceu um pouco o filme foram as interpretações, que eu achei bem "mais ou menos". A cena final é eletrizante, sem dúvida, e fecha bem o filme, mas eu normalmente curto filmes mais sutis. Eu diria que é um terror acima da média - lembrando, claro, que tem muito filme de terror MUITO ruim por aí -, mas longe de entrar para a lista de prediletos. Assistível sim, mas não memorável.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opmerkingen


bottom of page