• hikafigueiredo

"A Mansão Macabra", de Dan Curtis, 1976

Filme do dia (154/2018) - "A Mansão Macabra", de Dan Curtis, 1976 - Ben (Oliver Reed) e Marion (Karen Black) decidem passar o verão em uma casa de veraneio, junto com seu filho David (Lee Montgomery) e sua tia Elizabeth (Bette Davis). A casa, no entanto, vai se revelar amaldiçoada, colocando todos em perigo.





Este é um tema que eu adoro em filmes de terror: casas assombradas!!! De "Poltergeist" a "O Iluminado", de "Amityville" a "Invocação do Mal", passando por "O Grito" e chegando no insuperável "Desafio do Além" - meu filme de terror predileto!!! - os filmes de terror mais assustadores, para mim, são os que se passam em casas amaldiçoadas!!!! Assim, este filme aqui já começa com o pé direito só pelo mote!!! E, vamos combinar, desenvolve-se excepcionalmente bem nesse assunto! A obra segue a lógica clássica - começa devagar e vai ganhando ritmo à medida em que as ocorrências sobrenaturais vão acontecendo, "explodindo" nos minutos finais numa grande apoteose de eventos assustadores!!!! Adooooro!!!! A narrativa é redondinha, não mudaria nada nela. Caso raro no gênero, a obra não fez uso de grandes efeitos especiais, o que, aliás, não fez a mínima falta. Diria que o forte, aqui, é mesmo o roteiro, porque os demais quesitos técnicos mantém-se bem dentro do padrão Hollywood, sem grandes ênfases. Destaque merece o elenco: Karen Black está ótima com sua progressiva insanidade; gosto bastante de Oliver Reed em quase todos os seus papeis, e aqui não foi diferente - também o achei muito bem como o contraponto consciente à esposa; mas imbatível mesmo é Bette Davis - cara, é a Bette Davis, ela é fabulosa por qualquer ângulo que se olhe!!!! Sempre!!!! Putz, é um filme de terror muito legal, bom mesmo, adorei!!! Recomendado com louvor!!!

0 visualização0 comentário