• hikafigueiredo

"Atrás da Porta", de Istvan Szabó, 2011

Filme do dia (26/2015) - "Atrás da Porta", de Istvan Szabó, 2011 - Hungria, 1960. Magda e seu marido Tibor mudaram-se recentemente para uma grande residência. Procurando por uma empregada, acabam por conhecer Emerenc (Helen Mirren), uma senhora reclusa e com cara de poucos amigos. Apesar da convivência difícil, Magda e Emerenc irão desenvolver uma complexa amizade.





Então, né... a Helen Mirren é a Helen Mirren - completamente diva. Mas mesmo sendo fantástica, não acho que ela salve esse filme tão esquisito. A história não é crível - ninguém em sã consciência contrataria uma empregada como Emerenc, por mais que estivesse precisando. A personagem de Helen Mirren é uma típica "sincericida", e passa com sua "delicadeza" por sobre os outros como um rolo compressor. Magda, por sua vez, é uma beata dondoca e educadinha. A amizade estabelecida entre elas me soou fake desde o início. O roteiro tem buracos , coisas não explicadas, revelações que saem do nada e chegam a lugar algum. Tecnicamente o filme é perfeitinho e até bem bonito, mas o roteiro não se sustenta. Se o filme é suportável é só por causa da Helen Mirren. Não gostei e nem recomendo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo