• hikafigueiredo

"Jean de Florette", de Claude Berri, 1986

Filme do dia (102/2015) - "Jean de Florette", de Claude Berri, 1986 - Jean (Gerard Depardieu) é um coletor de impostos que herda uma propriedade rural. Disposto a viver da terra, muda-se com a esposa e a filha Manon para a fazenda, levando consigo grandes sonhos. Ocorre que seus vizinhos César Soubeyran (Yves Montand) e Ugolin (Daniel Auteuil) cobiçam aquelas terras e, na intenção de obrigar Jean a vender a propriedade, bloqueiam a nascente d'água existente no local.





Já havia assistido no cinema esse excelente filme baseado na obra literária de Marcel Pagnol e, na época, já sofri um bocado com a desventura do personagem. Impossível não se revoltar com a sanha capitalista criminosa dos Soubeyran, que não vacilam em destruir a família de Jean para alcançar seus intentos. Preparem-se para sentirem-se angustiados e impotentes durante e, principalmente, ao fim do filme. Apesar de todo o sofrimento, o filme é ótimo e vale muito a pena ver... principalmente porque temos a segunda parte (que assistirei amanhã), intitulada "A Vingança de Manon" (ansiosa!!!!!). Gerard Depardieu, bastante jovem, está comovente como o esperançoso Jean e Yves Montand, odioso como César. E, para variar, o "Ricardo Darin" francês - Daniel Auteuil - não poderia faltar, claro, e também está ótimo como Ugolin, que caminha por uma tênue linha entre a canalhice absoluta e o sentimentalismo por Jean e sua família. O filme tem, ainda, uma belíssima fotografia, acompanhada de uma trilha sonora melancólica que dá o tom da história. Assistam, é muito bom!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo