• hikafigueiredo

"Julieta", de Pedro Almodóvar, 2016

Filme do dia (106/2016) - "Julieta", de Pedro Almodóvar, 2016 - Julieta (Emma Suárez) prepara-se para deixar Madri junto com seu companheiro Lorenzo (Dario Grandinetti). Um súbito encontro com uma jovem faz Julieta abandonar seus planos, sem dar qualquer explicação para Lorenzo. Voltando para um antigo apartamento que morara anos antes, Julieta começa a escrever sua história para sua filha, com quem não tem contato há muitos anos.





Nessa obra temos uma bela exposição do universo feminino, seus relacionamentos amorosos e a maternidade. O filme trata, ainda, de culpa, abandono, reprodução de relacionamentos familiares e perdão. O padrão "almodovariano" de fotografia e direção de arte, sempre com muita cor e contraste, é suavizado nesse filme, ainda que não seja abandonado totalmente. Como em muitas obras do diretor, a carga dramática apoia-se nas personagens femininas, com destaque para a protagonista Julieta, interpretada por duas atrizes diferentes (quando jovem, a personagem é interpretada pela atriz Adriana Ugarte). Gostei bastante da interpretação de Emma Suárez como Julieta madura. Eu me identifiquei com a história e com a personagem e gostei bastante da obra, recomendando com prazer.

0 visualização0 comentário