• hikafigueiredo

"O Evangelho Segundo São Mateus", de Pier Paolo Pasolini, 1964

Filme do dia (26/2017) - "O Evangelho Segundo São Mateus", de Pier Paolo Pasolini, 1964 - A vida e obra de Jesus (Enrique Irazoqui) segundo o evangelho escrito por São Mateus.





O filme, ganhador do Grande Prêmio do Juri no Festival de Veneza e indicado a três Oscares, consegue trazer à tela uma circunspecção que jamais vi em qualquer obra relativa a qualquer passagem bíblica. É uma obra forte, séria, sólida, curiosamente dirigida por um diretor profundamente crítico quanto à Igreja Católica e suas instituições. O filme, especialmente bem dirigido, têm uma direção de arte de época excepcional, e atuações muito tocantes, com destaque para Margherita Caruso como a jovem Maria (ela aparece tão pouco, mas seu olhar é profundo como a Fossa das Marianas, chega a ser incômodo olhar aqueles olhos) e Enrique Irazoqui como Jesus (ele realmente consegue dar vida ao personagem bíblico; toda a sua linguagem corporal inspira elevação, circunspeção, profundidade, serenidade, fiquei impressionada). Filme ótimo, recomendo.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo