• hikafigueiredo

"O Filho do Outro", de Lorraine Lévy, 2012

Filme do dia (114/2015) - "O Filho do Outro", de Lorraine Lévy, 2012 - Joseph cresceu em Israel, em uma família judia. Prestes a entrar para o serviço militar israelense, Joseph recebe a notícia de que foi trocado na maternidade de Haifa, durante um bombardeio, por Yacine, criado por uma família palestina, na Cisjordânia. Ambos - e suas famílias - precisam lidar com esta nova realidade.





Filme muito interessante acerca da identidade do "eu" e do "outro". Basicamente, a obra discute como lidar com as diferenças e como aceitar e conviver com este "outro", ainda mais quando isso significa questionar valores, crenças e convicções. Diferentemente do que eu pensava, o filme trata de tudo com certa leveza e dá uma visão otimista da questão - é possível conciliar e conviver com o diferente, segundo a história. Questões políticas permeiam a história, mas o foco maior é no conflito interno dos dois jovens e de seus familiares. Tecnicamente, o filme é todo certinho e quadradinho - tudo muito bem feito mas sem qualquer inovação em termos de linguagem, o que em nada compromete o conjunto. Gostei bastante dos atores, em especial dos atores que interpretaram os dois jovens - Jules Sitruk, como Joseph, e Mehdi Dehbi, como Yacine. O filme é bem legal, aconselho.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo