top of page
  • hikafigueiredo

"O Nascimento de Uma Nação", de Nate Parker, 2016

Filme do dia (180/2017) - "O Nascimento de Uma Nação", de Nate Parker, 2016 - EUA, 1831. Nat (Nate Parker) é um jovem escravo negro alçado a pregador por saber ler e conhecer a bíblia. Mas os sofrimentos e injustiças vivenciados e presenciados por Nat, levam-no a liderar um levante contra os senhores de escravos brancos do sul dos EUA.





Dramalhaço que segue os passos de "12 Anos de Escravidão" e "Django Livre", o filme começa até que "light", mas vai num crescendo de violência até alcançar cenas bastante revoltantes quanto ao tratamento dispensado aos escravos negros. É daquelas obras que conseguem despertar a indignação até em um boneco de cera. O filme é muito, muito bom, e extremamente bem realizado. A temática não podia ser mais atual. A obra conta com uma fotografia excepcional e uma direção de arte de época caprichadíssima. Curti bastante a trilha sonora repleta de "lamentos" (não sei como chamar aquelas músicas de negros escravos, mas que são ótimas, são). Achei a ideia de usar o mesmo nome do filme clássico de D. W. Griffith (1915) , subvertendo completamente seu sentido (para quem não viu, naquele os heróis são membros da Ku Klux Klan!!!!!) genial e bastante provocador (amei!!!). O elenco está muito bem, com destaque - óbvio - para o diretor/ator Nate Parker. Filme muito bom, recomendo.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page