• hikafigueiredo

"O Rastro", de J. C. Feyer, 2016

Filme do dia (203/2017) - "O Rastro", de J. C. Feyer, 2016 - João (Rafael Cardoso) é um jovem médico envolvido com a desativação de um antigo hospital no Rio de Janeiro. Durante a remoção dos pacientes, João percebe o desaparecimento de um menina que estava internada. Decidido a descobrir o paradeiro da garota, João começa a investigar, mas o que ele descobrirá será assustador.





A palavra que melhor define este filme é "desperdício". Desperdício de clima, de ideias e de interpretações. A obra seria um ótimo filme de terror, não fosse uma guinada lá pelo meio da história que acabou transformando o terror num suspense meio que investigativo. A impressão que me deu é que os roteiristas tinham ótimas ideias para dois filmes e resolveram usá-las todas em um só, daí a coisa não ficou nem lá, nem cá. De ponto positivos, temos o desenvolvimento de uma atmosfera claustrofóbica e agoniante, tudo aquilo que se espera de uma boa obra do gênero terror. Siiiim, o filme é extremamente hábil na formação do climão!!!!! Outro ponto positivo foi a ambientação e a direção de arte - encontraram uma locação que é sinistra por si só e a composição de imagem é fantástica. A edição de som também merece elogios - claro que tem todos os clichês do gênero, mas, o que se pode fazer, funciona que é uma beleza! Impossível não dar destaque, ainda, para as boas interpretações do elenco - Rafael Cardoso está bem, assim como o veterano Jonas Bloch, mas quem (sempre!!!) rouba a cena é a magnifica Leandra Leal, tê-la no elenco é certeza de acerto!!!! Mas, afinal, o que sobrou de ponto negativo???? O roteiro inseguro e frágil. Okay, não diria que é péssimo, tem algumas boas sacadas, mas deixou bastante a desejar e não explorou direito o que apresentou (me lembrou um pouco a obra "Livrai-nos do Mal", que tem a mesma mistura de terror com suspense com cara de policial). De qualquer maneira, ainda acho que é um avanço para o terror nacional, que bem merece chegar ao grande público. Se recomendo??? Hmmmm, posso pensar?????

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo