• hikafigueiredo

"Românticos Anônimos", de Jean-Pierre Améris, 2010

Filme do dia (144/2016) - "Românticos Anônimos", de Jean-Pierre Améris, 2010 - Angélique (Isabelle Carré) é um talentosa chocolatier que vive no anonimato em decorrência de sua timidez. Por engano, acaba por se candidatar a um cargo de representante comercial em uma fábrica de chocolate, onde conhece Jean-René (Benoît Poelvoorde) o proprietário da empresa, ainda mais tímido que Angélique. Essa aproximação transformará suas vidas.





Essa comédia romântica tem, na timidez extrema, o seu foco - os personagens sofrem com seu acanhamento e precisam travar verdadeiras batalhas para conseguirem realizar pequenos gestos corriqueiros, como tocar em alguém ou dar início a uma conversa. A história é bonitinha e qualquer um que já tenha passado por momentos de constrangimento por timidez irá se identificar. O roteiro flui bem, sem criar "saltos" ou mudanças radicais no comportamento dos personagens. O filme tem ótimos diálogos, truncados como são as conversas entre dois tímidos. Só senti falta de um desfecho melhor quanto ao talento profissional de Angélique - poderiam ter dado um foco melhor nesta questão. Tecnicamente, o filme é redondinho, mas sem grandes destaques. Os tons pastéis e a fotografia suave chamaram a minha atenção, criando um ambiente ameno e discreto como os personagens. A interpretação da dupla central é ótima e causam um misto de desconforto e vergonha alheia no espectador, que torce para a "coisa" fluir entre os dois. Apesar de não ser meu gênero predileto, gostei da obra e recomendo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo