• hikafigueiredo

"Sacco & Vanzetti", de Giuliano Montaldo, 1971

Filme do dia (148/2015) - "Sacco & Vanzetti", de Giuliano Montaldo, 1971 - 1921. Nos EUA, Nicola Sacco (Riccardo Cucciolla) e Bartolomeo Vanzetti (Gain Maria Volontè), dois imigrantes italianos assumidamente anarquistas, são acusados por um crime de latrocínio. Por motivos políticos, o julgamento e o processo são vergonhosamente manipulados, dando lugar a um dos mais escandalosos erros jurídicos da história daquele país.





Ótimo filme político, escancarando como a Justiça anda de braços dados com interesses políticos e econômicos. Extremamente atual, a história enoja e causa revolta ao mostrar como um país dito democrático só o é com aqueles que se enquadram na ideologia dominante e mantenedora do status quo. Lindíssima discussão acerca de intolerância, democracia, Justiça, poder e caráter. Grandes atuações de Cucciola (pelo qual ganhou Palma em Cannes) e Volontè, este último conhecido por seu engajamento político e por optar por filmes cuja temática vá ao encontro de suas ideias, como os excelentes "A Classe Operária Vai ao Paraíso" e "Investigação sobre um Cidadão acima de Qualquer Suspeita". Do ponto de vista técnico, o filme é certinho, mas tem uns movimentos de câmera meio datados que me incomodaram um pouco. O ponto alto ficou com a trilha sonora de Joan Baez e Ennio Morricone, ótima. Ah, o filme foi proibido durante a ditadura militar, o que para mim é um verdadeiro selo de qualidade. Recomendo muito para quem gosta de filmes com temática política e curte filme de tribunais.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo