• hikafigueiredo

"Sentidos do Amor", de David Mackenzie, 2011

Filme do dia (149/2015) - "Sentidos do Amor", de David Mackenzie, 2011 - Susan (Eva Green) é uma pesquisadora desiludida com o amor. Michael (Ewan McGregor), um cozinheiro egoísta com as mulheres. Eles se conhecem e se apaixonam quando o mundo começa a ser tomado por uma doença que faz as pessoas, paulatinamente, perderem seus sentidos.





Depois da porrada de assistir "Sacco & Vanzetti", quis assistir uma coisa mais leve. Crente que assistiria uma historinha de amor, escolhi "Sentidos do Amor" para ver... Fui completamente ludibriada!!!! O filme é muito legal, mas é um puuuuuta filme deprê!!!! Com um clima apocalíptico e desesperançoso, o filme mostra os personagens - e todo o resto da humanidade - perdendo seus sentidos, seus contatos com o outro e o mundo, trancando-se dentro de si... com relação ao casal, quanto mais eles se querem, menos contato e interação conseguem ter. Ai, a história pode ser ótima, mas terminei de assistir angustiadíssima. O roteiro é arrebatador, embora deprimente, e é muito bem amarrado. A personagem narra os acontecimentos em momentos-chave, fazendo contraponto com o decorrer dos acontecimentos. Os atores estão bem e sintonizados - Eva Green, lindíssima como sempre e Ewan McGregor, extremamente sexy. Do ponto de vista mais técnico, ressalto a montagem do filme, que alterna momentos de placidez e lentidão, com outros mais ritmados, de acordo com as emoções dos personagens. A fotografia também é legal, com algumas cenas mais granuladas, também relacionadas com o estado emocional daquelas pessoas. Então... o filme é bem interessante, gostei bastante do mote, assim como da forma como a história retrata as pessoas, sempre dispostas a continuar e insistir na vida, por mais que a situação esteja difícil ou quase insustentável... mas bato na tecla que o filme é de cortar os pulsos. Não assistam se estiverem num mau dia.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo