• hikafigueiredo

"Terror nas Trevas", de Lúcio Fulci, 1981

Filme do dia (210/2016) - "Terror nas Trevas", de Lúcio Fulci, 1981 - Lisa, uma jovem mulher, herda um hotel na Lousianna. Enquanto faz a reforma do imóvel, uma série de mortes terríveis e misteriosas começam a acontecer. O que Lisa não sabe é que no hotel está uma das sete portas para o inferno.





Neste filme do mestre italiano do "gore", temos tudo o que pode esperar do gênero - mortes horríveis, mutilações diversas e, evidentemente, sangue, muito sangue, mas muito sangue MESMO! "Cult" entre os amantes do "gore", a obra apoia-se justamente no estilo, porque, vamos combinar, o roteiro é esdrúxulo ao ponto de misturar animais possuídos, criaturas vindas do inferno, assassinatos e zumbis (!!!) - sim, zumbis, aparentemente eles cabem em qualquer filme de terror!!!! O roteiro é tão confuso que, ao menos, impede qualquer cantada de bola de para onde a história irá a seguir e a única coisa que o espectador acaba tendo certeza é que mais alguém irá morrer morte horrível e explícita em breve. Os efeitos especiais não chegam a ser mambembes como no gênero "terrir", mas não são tão bons a ponto de me fazerem fechar os olhos de aflição (lembrando que eu sou bem patife para vísceras em exposição). O filme não chega a dar medo sequer por um instante, mas o final é hábil em deixar o espectador angustiado e com certo mal estar. Para quem gosta de "gore" e "exploitation", o filme é um prato cheio. Como o que eu gosto mesmo é terror psicológico, não fez muito a minha cabeça. Só para quem ama o nicho.

0 visualização0 comentário