• hikafigueiredo

"A Besta Humana", de Jean Renoir, 1938

Filme do dia (98/2015) - "A Besta Humana", de Jean Renoir, 1938 - Jacques é maquinista de um trem que faz a linha Paris-Le Havre. Ele sofre de uma doença que lhe impõe ímpetos assassinos, contudo, sob controle. Até que conhece Severine, uma mulher casada, e apaixona-se por ela, que lhe sugere assassinar o marido.





Não conheço a obra de Jean Renoir, apesar de escutar elogios aos seus filmes. Esperava algo mais deste filme. Achei os personagens rasos, mal desenvolvidos, com condutas inexplicáveis. A história também tem lacunas, desenvolve-se "aos saltos", sem uma sequência lógica de causa e efeito. A impressão que tive é que o diretor pegou aleatoriamente trechos do livro de Emile Zola (no qual se baseia o filme) e os filmou, costurando tudo como uma colcha de retalhos. Não, eu realmente não gostei do filme. Quanto às atuações, considerando esse desenvolvimento conturbado dos personagens, até que gostei da atuação de Jean Gabin como Jacques, diferentemente da atriz que faz Severine - Simone Simon - que achei fraquíssima. Quanto à parte técnica, a obra conta com uma bela fotografia, não tendo visto nada de mais nas outras áreas. Sinceramente, chegou a me dar sono, e olha que o filme tem pouco mais de uma hora e meia. Eu sempre considero que eu posso apenas estar num mau dia... mas, na boa, acho que esse não foi o caso. Quem quiser conhecer, faça por sua conta e risco...

0 visualização0 comentário