• hikafigueiredo

"3096 Dias de Cativeiro", de Sherry Hormann, 2013

Filme do dia (77/2015) - "3096 Dias de Cativeiro", de Sherry Hormann, 2013 - Natascha Kampusch (Antonia Campbell-Hugues) é uma menina de dez anos que, um dia, indo para escola, é sequestrada e confinada em um espaço de seis metros quadrados, no subsolo da casa de seu sequestrador. Anos se passam com a garota sob o domínio do homem violento e desequilibrado.






Baseado em fatos reais, este é daquele tipo de filme-agonia que você sofre a cada instante. É realmente agoniante pensar no que aquela garota passou nos oito anos e meio em que esteve no cativeiro de uma pessoa totalmente tresloucada. O roteiro é bem construído, apesar de ser bem tradicional e linear. Tecnicamente, o filme é bem certinho, mas podia ter sido melhor explorada a sensação de claustrofobia da menina presa em tão limitado espaço. Os atores estão muito bem - Antonia Campbell-Hugues, com seu físico esquálido, convence como a menina subnutrida por passar dias sem comida no cativeiro; Thure Lindhart também está bem como o sequestrador que alterna momentos de delicadeza com outros de extrema violência para com a garota. O filme se sustenta, mas não é nada de outro mundo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo