• hikafigueiredo

"A Torre dos Monstros", de Reginald Le Borg, 1956

Filme do dia (157/2021) - "A Torre dos Monstros", de Reginald Le Borg, 1956 - Após salvar seu ex-aluno Dr. Gordon Ramsay (Herbert Rudley) de uma condenação por enforcamento através do uso de uma poderosa substância indiana, o cientista Sir Cadman (Basil Rathbone) o convoca para auxiliá-lo em uma ousada pesquisa acerca do mapeamento do cérebro humano.





Apesar do título traduzido horroroso, o filme mostra-se uma interessante obra sobre os limites éticos da pesquisa científica e o uso responsável do conhecimento. Na história, o personagem Sir Cadman usa em seus "pacientes" - a.k.a. cobaias - uma substância que simula o estado de morte, sendo, inclusive, assim que ele impede o enforcamento do personagem Dr. Ramsay. Ocorre que ele usa a tal substância para manter em um estado "suspenso" as vítimas de sua pesquisa de mapeamento do cérebro humano que, após sofrerem procedimentos cirúrgicos, seguem com terríveis sequelas (daí o nome traduzido "Torre dos Monstros"). A narrativa é linear, com ritmo sereno e clima de suspense moderado. O diferencial da obra é reunir, no elenco de apoio, célebres nomes do gênero terror, com a presença de Lon Chaney Jr., John Carradine e Bela Lugosi, infelizmente em papeis pequenos e quase imperceptíveis. Herbert Rudley e Basil Rathbone, por sua vez, estão bem em seus personagens, os reais protagonistas da história. Apesar de previsível e pouco marcante, a obra prende a atenção e é agradável de se ver. Até indico, mas sem grande fervor.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo