• hikafigueiredo

"Cidade Maldita", de Umberto Lenzi, 1980

Filme do dia (79/2021) - "Cidade Maldita", de Umberto Lenzi, 1980. - Após o vazamento de radiação em uma cidade italiana, habitantes tornam-se mortos-vivos que, para se manterem ativos, precisam beber sangue humano, o que desencadeia uma série de chacinas pela cidade.





Hmmm. Este é um filme com virtudes e deficiências muito bem definidas. A principal virtude é fazer algumas críticas pertinentes à sociedade, como a irresponsabilidade ambiental do ser humano, a ineficiência dos meios de comunicação, a pouca efetividade do exército frente a eventos inesperados e o mau uso da ciência e das inovações tecnológicas. Claro que essa crítica é extremamente superficial e, em parte, diluída pela narrativa afora, mas, ao menos existe e está lá. Outra virtude é alcançar uma razoável atmosfera de tensão, o que é esperado em uma obra do gênero terror. Quanto às deficiências - que não são poucas -, podemos salientar a baixa qualidade técnica da produção, o roteiro pouco consistente e algumas soluções de narrativa meio questionáveis (como o desfecho pouco original). Acho que a maquiagem dos zumbis deste filme foi a pior que eu vi "ever" - parece que esfregaram barro na cara dos atores e "voilá", está valendo. O ritmo da obra também é um pouco irregular - há cenas com ritmo marcado e tensão plena - como na cena do autoposto - e outras extremamente arrastadas - a cena do hospital, por exemplo, muito longa na minha opinião. Como bom filme italiano "B" das décadas de 70 e 80, temos, mais uma vez, a objetificação do corpo feminino - é um tal de mostrarem nudez feminina sem necessidade para a narrativa que vou te contar... Lógico que o filme é bem trasheira e cheio de efeitos especiais bem pouco convincentes. As interpretações são, na maioria, bem fracas, mas sem aquela canastrice proposital que leva o espectador ao riso fácil. Quem se sai melhorzinho em cena é Mel Ferrer como General Murchison, e mesmo assim, é uma interpretação bem mais ou menos... Olha, não fosse pela crítica embutida, provavelmente eu teria achado a obra bem ruinzinha. Com a crítica, o filme ganhou, ao menos, alguns pontos comigo. Acho que, do box Zumbi no Cinema 3, é a obra menos interessante (se bem que ainda falta um filme por ver). Acho que é filme mesmo só para fãs do tema zumbis.

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo