• hikafigueiredo

"Dois Velhos Rabugentos", de Donald Petrie, 1993

Filme do dia (48/2020) - "Dois Velhos Rabugentos", de Donald Petrie, 1993 - Max (Walter Matthau) e John (Jack Lemmon) são dois vizinhos que vivem às turras desde a infância. A chegada de uma nova vizinha - Ariel (Ann-Margret) - vai piorar a relação entre os dois "inimigos".





Comedinha romântica leve e despretensiosa, o filme aposta no apelo e na simpatia que a eterna dupla Lemmon- Matthau possui desde a década de 60, e, sem pesar a mão, ainda discorre sobre velhice, solidão e amizade. Achei, ainda, simpática a forma como é retratado um relacionamento amoroso (e sexual) na maturidade, um verdadeiro tabu. A narrativa - linear e cronológica - é bem quadradinha e fincada em "fórmulas", mas funciona e consegue entregar um resultado divertido e satisfatório. Destaque para a ótima trilha sonora. No elenco, além da veia cômica de Lemmon e Matthau, o charme estonteante de Ann-Margret como Ariel (apesar de personagem me soar um pouco histriônica demais), Daryl Hannah como Melanie, Kevin Pollak como Jacob e Burgess Meredith como o "saliente" e inapropriado "Grandpa Gustafson", pai de John. Obviamente, a obra tem a profundidade de uma forma de pizza, mas, para quem quer apenas diversão, é uma ótima pedida. Recomendado para quem quer entretenimento e distração leves.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo