• hikafigueiredo

"O Homem-Leopardo", de Jacques Tourneur, 1943

Filme do dia (151/2021) - "O Homem-Leopardo", de Jacques Tourneur, 1943 - Após fugir de uma apresentação artística, um leopardo é apontado como o causador de terríveis mortes em uma pequena cidade. No entanto, o responsável pelo animal garante que ele não seria o assassino, levantando suspeitas sobre os habitantes do local.





Classificado como terror, o filme, para mim, trata-se, na realidade, de uma obra de suspense, já que só considero terror obras sobre temas sobrenaturais ou que contenham cenas explícitas de violência gráfica (e, mesmo assim, nesse segundo caso, acato, com muita má vontade, a classificação comumente aplicada). No caso, o filme não tem qualquer cena minimamente contundente - não é que não seja explícito; inexiste uma única cena sequer das mortes, tudo é, tão somente, mencionado ou sugerido. Ademais, além de ser uma obra de suspense, é um filme cujo título já entrega mais do que deveria - se a ideia era causar dúvida quanto ao responsável pelas mortes, porquê usar esse título? Sinceramente, desconfio que o diretor quis aproveitar um gancho com seu filme anterior, o ótimo "A Marca da Pantera" (1942), e daí deu esse título medonho, porém sugestivo, para a obra - na minha opinião, um lindo tiro no pé. A narrativa é linear, em ritmo moderado e atmosfera de tensão um tanto quanto irregular. A fotografia é um P&B bem contrastado, ajudando a criar clima. Destaque para a cena da menina Teresa, a única que realmente me deixou crispada de tensão (sequência extremamente bem conduzida, por sinal). O desfecho, para mim, foi uma decepção e completamente sem sentido. Do elenco, destacaria apenas Margaret Landry como Teresa (por conta da ótima cena já mencionada) e Margo como Clo-Clo (e nenhuma delas é a protagonista, papel conferido a Jean Brooks, bem sem graça). Apesar do renome do diretor Jacques Tourneur nos gêneros terror e suspense, achei o filme muito mais ou menos, completamente aquém de outros filmes dele. Não recomendo não, fraquíssimo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo