• hikafigueiredo

"O Regresso", de Alejandro González Iñarritu, 2015

Filme do dia (134/2016) - "O Regresso", de Alejandro González Iñarritu, 2015 - Durante uma expedição de caça, Hugh Glass (Leonardo DiCaprio) é atacado por um urso. Em estado gravíssimo, é abandonado para morrer por John Fitzgerald (Tom Hardy), um companheiro de expedição que fora destacado para auxiliá-lo. No entanto, Glass sobrevive milagrosamente e, enfrentando toda a sorte de obstáculos - frio, fome, índios hostis, dor - dirige-se para o local onde poderá encontrar Fitzgerald e, assim, vingar-se.





Filme que finalmente proporcionou o tão esperado Oscar de Melhor Ator a Leonardo DiCaprio, foi muito criticado por parte dos espectadores, que achou o filme arrastado e chato. Injusto. O filme não tem um ritmo esquizofrênico como muita gente está acostumada, mas não chega a ser um ritmo plácido e, tampouco, tem "tempos mortos". Considerando a história, não daria para acelerar o passo sem torná-la inverossímil. A história gira, o tempo todo, na sede de vingança do protagonista - isso que o move, isso que o faz ultrapassar os piores obstáculos. Os estados físico e de espírito do personagem fazem com que a realidade seja, por vezes, substituída por memórias e alucinações - momentos em que tomamos contato com o passado de Glass, o que enche de significado sua sanha de vingança. O roteiro é muito bem desenvolvido através dessa mistura de presente e passado, além de acompanhar tanto o trajeto de Glass quanto o de Fitzgerald. Critiquem o que quiser, mas o filme é imageticamente lindo - a fotografia, excepcional, é muito ajudada pelas paisagens deslumbrantes. O filme tem muitas cenas de plano bem aberto, o espectador consegue sentir o frio e o isolamento a que os personagens estão expostos. Quanto à interpretação de DiCaprio, ouvi muita gente dizendo que "não foi tudo isso". Ah, por favor!!!!! A atuação dele foi impecável, visceral até os ossos, o homem se transformou num ogro!!!! Além disso, ele já mereceria o Oscar só pelos perrengues que deve ter passado para fazer o filme (rs) - é um tal de pirambeira com neve, rio com gelo, frio, muito frio, eu fiquei gelada só de assistir! Tom Hardy também está ótimo em cena, outro troglodita. Tudo bem, a cena do urso destaca-se - muito bem feita! - mas a obra não se limita a ela. Eu gostei bastante e fiquei impressionada com o DiCaprio. Recomendo para quem quer mais que ritmo de videogame.

0 visualização0 comentário