• hikafigueiredo

"Separados pelo Destino", de Feng Xiaogang, 2010

Filme do dia (117/2015) - "Separados pelo Destino", de Feng Xiaogang, 2010 - Em 1976, um terremoto destrói a cidade de Tangshan. Neste cenário, uma família composta por pai, mãe e dois irmãos gêmeos é destroçada, física e psicologicamente. Os sobreviventes terão de lidar com suas lembranças e dores.





Drama que, se fosse feito por americanos, manipularia o espectador para chorar nos momentos escolhidos pelos produtores. Maaaaaas, como foi realizado por chineses, conduz o público por uma realidade dolorosa mas sem tanta manipulação. Sim, a história é triste, tristíssima, e caí em lágrimas em alguns momentos, mas está longe de ser um melodrama. A história, linear, abarca um período de 32 anos, onde as memórias sofridas dos personagens vão sendo, paulatinamente, digeridas. Como gosto de dramas de rasgar o peito com as mãos, é claro que curti. Mães devem ver o filme com a caixa de lenços do lado. O filme tem efeitos especiais de qualidade, e o terremoto é muito bem feito. Tecnicamente, o filme é impecável - fotografia e direção de arte muito bonitas e uma montagem caprichada, em especial nas cenas do terremoto. Boas atuações completam a obra. Gostei muito, só preciso assistir, urgente, uma comédia para equilibrar um pouco...

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo