• hikafigueiredo

"Vizinhos", de Nicholas Stoller, 2014

Filme do dia (315/2020) - "Vizinhos", de Nicholas Stoller, 2014 - Mac (Seth Rogen) e Kelly (Rose Byrne) formam uma família feliz junto com sua bebê de poucos meses. Seu sossego é ameaçado quando a casa vizinha é ocupada por uma fraternidade universitária presidida por Teddy (Zac Efron), um estudante mais interessado nas festas do que nos estudos.





Pois é. De vez em quando eu arrisco umas comédias norte-americanas só mesmo para quebrar a cara. Como era de se esperar, o filme é total bagaceira e apoia-se naquele tipo de piada chula, digna de uma 5a série. Ao longo da 1h37min de filme, se eu dei umas três risadas foi muito, pois é um tipo de humor que não me ganha (e que, na real, me dá mais vergonha alheia do que vontade de rir). A narrativa é linear e tudo é extremamente convencional e previsível. Dos quesitos técnicos, o que se destacou foi a trilha sonora, recheada de bons hits de gente como Kesha, Fergie, Ini Kamoze, dentre outros. No elenco, Seth Rogen sendo Seth Rogen e fazendo o que ele sabe fazer de melhor (ou pior) - piada "podreira" sem graça. Rose Byrne segue a linha insossa e acompanha Rogen nas piadas infames. Zac Efron está ali para embelezar a tela, mas não acho que ele tenha talento para comediante e tampouco acho que ele convença como estudante de faculdade (ele fez o filme com quase 27 anos, já tinha aparência de "homem feito", não me convenceu como "rapazinho universitário"). Christopher Mintz-Plasse (o vilão de "Kick Ass"), Dave Franco, Ike Barinholtz e Carla Gallo completam o elenco. Lisa Kudrow (a Phoebe de "Friends") faz uma ponta como uma inacreditável reitora. O filme é ruinzim de tudo, mas existe público cativo para esse tipo de humor (no qual eu não me enquadro), tanto que teve até continuação. Eu não curto e, por isso mesmo, não vou recomendar.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo