• hikafigueiredo

"Your Name", de Makoto Shinkai, 2016

Filme do dia (332/2020) - "Your Name", de Makoto Shinkai, 2016 - Mitsuha é uma adolescente de uma pequena cidade do interior do Japão; Taki é um jovem que vive em Tóquio. Mitsuha e Taki não se conhecem, mas estão intimamente conectados através de seus sonhos.





Animação lindíssima do mestre Makoto Shinkai, a obra mergulha na metafísica e entra de sola no terreno do cinema "mindfuck", ao mesmo tempo em que narra uma sensível e emocionante história de amor - quem não se enternecer com a história de Mitsuha e Taki precisa urgentemente transplantar seu coração peludo por outro funcional. Interessante que a narrativa inicia leve, com várias tiradas cômicas, mas, lentamente, começa a se tornar mais circunspecto, chegando mesmo a ser (bastante) dramático. Eu fiquei sinceramente emocionada com a narrativa e sequer me considero muito sensível e, menos ainda, romântica. O traço é de anime convencional, mas há uma especial preocupação com os planos de detalhes - alguns ovos fritando na frigideira, o arroz fresquinho na panela, um laço de cabelo ou pés que caminham -, algumas vezes com enquadramentos diferenciados e sofisticados. Também são comuns os planos gerais da pequena cidade onde Mitsuha vive, de um vale próximo, da cidade de Tóquio. Destaque para as coloridas cenas do cometa, para a cena da "hora mágica" e, evidentemente para a cena final, que me deixou ansiosíssima e arrepiada. Não é uma animação para crianças, mas, certamente, vai agradar adolescentes e adultos. Eu amei... minto, eu AMEI a obra e recomendo muitíssimo (e agora correr atrás de mais obras de Makoto Shinkai, mestre!!!).

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo